Bem-vindos à página portuguesa da EAAE.

Nesta página pode encontrar informações sobre as atividades que estão a ser desenvolvidas em Portugal e todas as atividades relevantes que estão a ser desenvolvidas na Europa em Português.

Space ArtCatch a Star | Cursos IAU / NASE / EAAE-ESO


Space Art - uma arte esp@cial 2021

A ideia do concurso "Space Art" é estimular a criatividade de crianças e jovens, dos 6 aos 14 anos de idade, através do Universo e da Astronomia.

O objetivo do concurso passa por, autonomamente, os participantes pesquisarem informação, sobre um objecto astronómico que conduzirá, após, à produção de uma "obra de arte": um desenho ou fotografia do seu objecto astronómico preferido. Estas são publicadas no website do concurso (aqui, aqui e aqui), onde a visão dos estudantes pode ser partilhada por todos.

Assim, participar é muito simples: basta procurar no céu, em livros ou mesmo na internet, um objeto astronómico e, depois, desenhá-lo ou obter uma imagem dele, utilizando fotografias (ou a combinação das técnicas que o aluno achar mais pertinentes).

Todas as informações sobre o concurso estão disponíveis AQUI.

"Space Art" é organizado pela Associação Europeia para a Educação em Astronomia (EAAE) e patrocinado pelo Observatório Europeu do Sul (ESO).


Catch a Star - adote um astro 2021

A ideia do concurso "Catch a Star: adote um astro 2021" é promover o trabalho colaborativo entre estudantes, enquanto aprendem astronomia, pesquisando dados sobre um objeto astronómico. Por outro lado, pretende-se ajudar a difundir as tecnologias da informação no processo educativo.

As equipas que apresentarem os melhores projetos receberão prémios especiais do ESO e participarão em reuniões online com astrónomos profissionais do ESO e de outros observatórios europeus. Pela primeira vez nos vinte anos de história do concurso, o anúncio e apresentação dos melhores projetos será realizada durante uma videoconferência.

Data de início do concurso: 1 de novembro de 2021.

Data limite de entrega dos projetos: 23h59 (CET - fuso horário "Central European Time") de 28 de Fevereiro de 2022.

Videoconferência de entrega de prémios: 20 de março de 2022.

O que é preciso para poder participar?

1 - Formar um grupo de, no máximo, 4 participantes - um coordenador e, no máximo, três alunos;

2 - O coordenador ser um professor/formador/tutor (mas não um aluno);

3 - Escolher um tema astronómico (pode ser um objeto astronómico específico, fenómeno, observação, problema científico, teoria, etc.), sobre o qual se quer recolher informação. Tal pode incluir observações reais utilizando um telescópio, ou pesquisas utilizando plataformas digitais.

4 - Estruturar uma atividade prática, em torno do tema (tais como observações próprias, experiências...).

5 - Produzir um relatório.

O que tem de incluir o relatório?

- Texto original em inglês, até cerca de 5000 palavras, de estrutura livre. Contudo, temas originais serão valorizados, assim como a clareza da linguagem, a sua correção científica e uma estruturação intuitiva do relatório.

- Identificação dos autores, endereço da escola (incluindo o nome do país) e o título do projeto.

- Referências bibliográficas, ao longo do texto e uma bibliografia que corresponda a essas referências, no final do relatório.

Como submeter a candidatura?

1º Converter o relatório para o formato PDF;

2º Enviar o ficheiro PFD, por email, para This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Quais os critérios para apreciação dos relatórios?

1 - Credibilidade científica;

2 - O estilo de apresentação: apresentação clara e acessível da informação;

3 - Abordagem responsável e criativa da apresentação/solução de um determinado problema;

4 - Originalidade da ideia;

5 - Literatura utilizada de forma adequada;

6 - Avaliação da abordagem pedagógica utilizada pelo professor: seguir a metodologia de inquiry based learning e possibilitar aprendizagens significativas e, portanto, duradouras.

O número máximo de pontos para cada critério é de 6.

Quais os prémios?

1.º prémio – uma imagem emoldurada, do ESO, da “NGC 2264” e do aglomerado “Árvores de Natal”.

2.º prémio – uma imagem emoldurada, do ESO, do Paranal, ao nascer do Sol.

3.º prémio – uma imagem emoldurada, do ESO, do Telescópio APEX instalado num observatório do Llano de Chajnantor (Chile).

4.º prémio – uma imagem emoldurada, do ESO, da galáxia Sombrero.

5º prémio – uma imagem emoldurada, do ESO, da galáxia espiral barrada NGC 1365 obtida com a câmara HAWK-I (instalada no Very Large Telescope – VLT).

Prémio Especial para a equipa mais jovem – um telescópio 76/300 (diâmetro da lente/distância focal).

Prémio Especial para melhor projeto não europeu – reunião informal, por videoconferência, com um astrónomo profissional.

A presente tradução não substituiu a consulta de todo o regulamento disponível em língua inglesa AQUI. Esse regulamento sobrepõe-se a tudo o que surge traduzido nesta página.


Cursos IAU / NASE / EAAE-ESO

Curso NASE Astrocultura (13 de outubro a 10 novembro de 2021).

Curso NASE Astrobiologia (12 a 19 de fevereiro de 2022).

Curso NASE Astrofísica (5 a 19 de março de 2022).

Curso NASE Astronomia (21 de maio a 4 de junho de 2022).

Cada formação tem uma duração total de 12 horas (entre síncronas e assíncronas) e encontra-se reconhecida para os efeitos previstos no ECD relevando, assim, para a avaliação do desempenho e/ou progressão na carreira, de professores dos grupos de recrutamento 100, 110, 120, 200, 220, 230, 240, 330, 400, 420, 500, 510, 520, 530 e 550.

Mais informações AQUI.


Representante nacional / National representative

 

Ilídio André Costa
Agrupamento de Escolas de Santa Bárbara,
Planetário do Porto - Centro Ciência Viva,
Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço - Universidade do Porto.
Email: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.